arrozguatambu_creditoalexandreteixeira

Evento ocorre de 18 a 20 de fevereiro em Alegrete

De hoje até sábado, 20 de fevereiro, a Estância Guatambu, de Dom Pedrito, RS, participa da 26ª Abertura Oficial da Colheita do Arroz, promovida pela Federarroz – Federação das Associações de Arrozeiros do RS, na cidade de Alegrete, apresentando suas sementes, oferecendo degustação e comercializando seus premiados vinhos e espumantes. O evento possui o objetivo de desenvolver o setor orizícola, reunindo produtores, autoridades, entidades e empresas do agronegócio do arroz com a finalidade de apresentar os últimos avanços científicos e tecnológicos da área, bem como discutir a realidade socioeconômica do setor.

A Guatambu estará com um stand ao lado do auditório principal, divulgando suas sementes certificadas de arroz e seus vinhos. As sementes produzidas na estância são certificadas e de alto padrão, com 65% de grãos inteiros, germinação na faixa de 95%, renda total acima de 70% e 100% de pureza. Os cultivares Puitá e Guri INTA CL (Clearfield) resultam de lavouras sementeiras limpas e com produtividade acima de 11 toneladas por hectare e estão disponíveis em sacaria de 40kg e bag de 500kg.

“São sementes produzidas em lavouras próprias, conduzidas com alto rigor técnico tanto no manejo das lavouras como no processamento industrial para atingir qualidade premium”, revela o médico veterinário e proprietário da estância, Valter José Pötter.

Criada para combater o arroz vermelho, a maior invasora da lavoura de arroz do RS, a Puita Inta Cl é uma variedade desenvolvida pelo Inta da Argentina difundida no Brasil devido as suas excelentes características agronômicas e de engenho. Já a semente Guri INTA CL reduz o acamamento e proporciona estabilidade de produção, além de aumento de produtividade.

Os interessados poderão receber amostras das sementes produzidas na estância visitando o stand, que também conta com degustação e comercialização dos premiados vinhos e espumantes da vinícola.

Segundo Pötter, o cultivo do arroz é a cultura mais antiga da Guatambu, parte do negócio da família desde 1958. “Nossa atividade agrícola tem como principais finalidades maximizar a produção de alimentos e complementar a atividade pecuária, incrementando os recursos forrageiros e fazendo da integração de ambas a sustentação dos níveis de produtividade atingidos”.

SOBRE A ESTÂNCIA GUATAMBU

Situada em Dom Pedrito, no coração do pampa gaúcho, a Estância Guatambu é uma empresa familiar dedicada a gerar produtos primários e agroindustriais.

Com aptidão de solo e clima privilegiados, a estância produz uma grande diversidade de produtos. Destaca-se pela utilização de tecnologia de ponta, tanto na agricultura quanto na pecuária, sendo suas atividades centradas na integração de ambas. A pecuária de corte é desenvolvida com bovinos Polled Hereford e Braford, em ciclo completo, e ovinos Texel. Os produtos desta atividade são touros reprodutores superiores e carne de alta qualidade proveniente de animais precoces abatidos dos 14 aos 24 meses de idade, além dos cordeiros pampeanos. Na agricultura, destaca-se a produção de arroz irrigado, milho irrigado com pivô central, soja, sorgo, sementes forrageiras e uvas viníferas.