Busca

Bruna Paulin

Assessoria de Flor em Flor

Categoria

Livros

Sarau da Clara Corleone comemora três anos e recebe Fernanda Bastos e Vitor Necchi no dia 12 de março, quinta-feira

Clara Corleone_foto Mari Korman

Edição intitulada “Preferidos” recebe os jornalistas Fernanda Bastos e Vitor Necchi

 

Completando 28 edições na próxima quinta-feira, 12 de março, o Sarau da Clara Corleone celebra seus três anos de existência no Von Teese. O evento literário traz a cada edição um tema que pauta os textos lidos por Clara e as personalidades que participam. O de março será “preferidos”, onde os jornalistas Fernanda Bastos e Vitor Necchi dividirão o sofá do Von Teese com a anfitriã e lerão suas passagens prediletas.

O evento da escritora e atriz já recebeu as escritoras Martha Medeiros, Claudia Tajes e Luisa Geisler, as políticas Manuela D’Ávila e Fernanda Melchionna, os diretores de cinema Jorge Furtado, Ana Luiza Azevedo e Otto Guerra, os jornalistas Katia Suman, Carol Anchieta, Roger Lerina e Paulo Germano, as atrizes Mirna Spritzer, Maria Galant e Catharina Conte, entre outros. O “Sarau da Clara Corleone – Preferidos” inicia às 20h30 com couvert de R$ 10,00 (em dinheiro) ou R$ 15,00 (em cartão). O Von Teese fica na Rua Bento Figueiredo 32.

Fernanda Bastos é jornalista, editora e poeta. Autora de “Dessa Cor” (Figura de Linguagem, 2018), também é colunista do portal Literatura RS e atua como repórter na TVE RS. É editora geral da Figura de Linguagem, casa editorial sediada em Porto Alegre da qual é uma das fundadoras juntamente com o escritor e crítico literário Luiz Mauricio Azevedo.  É mestranda em Comunicação no PPPGCOM/UFRGS, onde integra o Núcleo de Comunicação Pública e Política (Nucop) e o Observatório de Comunicação Pública (Obcomp).

Clara Corleone é atriz e escritora. Divide o seu tempo como produtora no estúdio Otto Desenhos Animados, coordenadora da ONG Minha Porto Alegre e hostess do Bar Ocidente às sextas. Comanda o sarau no Von Teese desde 2017 e lançou seu primeiro livro, “o homem infelizmente tem que acabar” em 2019 na Editora Zouk, pelo selo Casa da Mãe Joanna. O livro está prestes a ganhar sua segunda reimpressão.

Vitor Necchi é escritor, professor, jornalista (UFRGS), mestre em Comunicação Social (PUCRS) e doutorando em Letras (UFRGS). Publicou o livro “Não existe mais dia seguinte” (Taverna, 2018), vencedor dos prêmios Ages – Livro do Ano, da Associação Gaúcha de Escritores, e Minuano de Literatura, do Instituto Estadual do Livro. Participou das coletâneas “Quatro contos de Porto Alegre e um bônus” (Diadorim, 2019), “Qualquer ontem” (Bestiário, 2019) e “Fake fiction: contos sobre um Brasil onde tudo pode ser verdade” (Dublinense, no prelo).

 

Aniversário de 3 anos do Sarau da Clara Corleone

“Preferidos” com Fernanda Bastos e Vitor Necchi

12 de março, quinta-feira, às 20h30

Couvert a R$ 10,00 em dinheiro// R$ 15,00 em cartão

Von Teese – Rua Bento Figueiredo 32

Sarau da Clara Corleone na coluna Rede Social em Zero Hora

zh_15.01.20.jpg

Sarau da Clara Corleone recebe Ana Luiza Azevedo e Otto Guerra na quinta, 16 de janeiro

claracorleone_creditocarolinadisegna

Primeira edição de 2020 traz o tema “Cena de cinema” e ocorre no Von Teese

 

Nesta quinta-feira, 16 de janeiro, às 20h30, o Von Teese recebe a primeira edição 2020 do Sarau da Clara Corleone. O evento literário traz a cada edição um tema que pauta os textos lidos por Clara e as personalidades que participam. O de janeiro será “Cena de cinema”. Dividem o sofá do Von Teese com a anfitriã os diretores Ana Luiza Azevedo e Otto Guerra.

O evento da escritora e atriz já recebeu nomes como Martha Medeiros, Claudia Tajes, Jorge Furtado, Luisa Geisler, Manuela D’Ávila, Fernanda Melchionna, Katia Suman, Carol Anchieta, Roger Lerina, Mirna Spritzer, Paulo Germano, entre outros, e ocorre no local desde 2017.

O “Sarau da Clara Corleone – Cena de Cinema” inicia às 20h30 com couvert de R$ 10,00 (em dinheiro) ou R$ 15,00 (em cartão). O Von Teese fica na Rua Bento Figueiredo 32.

 

Sarau da Clara Corleone

“Cena de cinema” com Ana Luiza Azevedo e Otto Guerra

16 de janeiro, quinta-feira, às 20h30

Couvert a R$ 10,00 em dinheiro// R$ 15,00 em cartão

Von Teese – Rua Bento Figueiredo 32

 

Clara Corleone é formada em Arte Dramática e divide o seu tempo como produtora no estúdio Otto Desenhos Animados, coordenadora da ONG Minha Porto Alegre e hostess do Bar Ocidente às sextas. Comanda o sarau no Von Teese desde 2017 e lançou seu primeiro livro, “o homem infelizmente tem que acabar” em 2019 na Editora Zouk, pelo selo Casa da Mãe Joanna.

Ana Luiza Azevedo nasceu na cidade de Porto Alegre, no Brasil. Formou-se em Artes Plásticas pela UFRGS em 1986, e foi uma das pioneiras da Casa de Cinema de Porto Alegre. Atualmente é uma das responsáveis pelo Núcleo de Criação de Textos para TV e Cinema da Casa de Cinema de Porto Alegre. Está desenvolvendo os roteiros da série O HARÉM e trabalha também em seu novo projeto de longa-metragem AOS OLHOS DE ERNESTO, que está participando de festivais e recebeu o Prêmio da Crítica como “Melhor Filme Brasileiro” na 43ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo.

Otto Guerra é um dos pioneiros da animação autoral no Brasil, onde criou a quadragenária Otto Desenhos, que se tornou uma das produtoras de animação mais importantes do país. É o único diretor com quatro obras na lista dos 100 filmes mais importantes da animação brasileira definida pela Associação Brasileira de Críticos de Cinema (ABRACCINE) no livro “100 anos do cinema de animação no Brasil”. Seu último longa, “A Cidade dos Piratas” (2018), é baseado na obra da cartunista Laerte e foi eleito o Melhor Longa-Metragem de Animação no 41º Festival Internacional do Novo Cinema Latino-Americano de Havana, em Cuba.

 

Livro “O homem infelizmente tem que acabar” na imprensa

oglobo2_08.12.19.jpg

 

zh_07.12.19.jpg

Sarau da Clara Corleone recebe Jorge Furtado e Luisa Geisler na quinta, 05 de dezembro

clara corleone_credito_Carolina Disegna

O tema da edição será “Humor” e ocorrerá no Von Teese

 

Porto Alegre,  02 de dezembro de 2019 – Na quinta-feira, 5 de dezembro, às 20h30, o Von Teese recebe mais um Sarau da Clara Corleone. O evento literário traz a cada edição um tema que pauta os textos lidos por Clara e as personalidades que participam. O de dezembro será “Humor”. Dividem o sofá do Von Teese com a anfitriã o diretor Jorge Furtado e a escritora Luisa Geisler.

O evento da escritora e atriz já recebeu as escritoras Martha Medeiros e Claudia Tajes, as políticas Manuela D’Ávila e Fernanda Melchionna, os jornalistas Katia Suman, Carol Anchieta, Roger Lerina e Paulo Germano, as atrizes Mirna Spritzer, Maria Galant e Catharina Conte, os diretores de teatro Patrícia Fagundes, Júlio Conte e Patsy Cecato, entre outros. O “Sarau da Clara Corleone – Humor” tem couvert de R$ 10,00 (em dinheiro) ou R$ 15,00 (em cartão). O Von Teese fica na Rua Bento Figueiredo 32.

Clara Corleone é formada em Arte Dramática e divide o seu tempo como produtora no estúdio Otto Desenhos Animados e hostess do Bar Ocidente às sextas. Comanda o sarau no Von Teese desde 2017 e lançou seu primeiro livro, “o homem infelizmente tem que acabar” em 2019 na Editora Zouk, pelo selo Casa da Mãe Joanna.

Jorge Furtado é diretor e roteirista dos longas HOUVE UMA VEZ DOIS VERÕES (2002), O HOMEM QUE COPIAVA (2003) e MEU TIO MATOU UM CARA (2005) SANEAMENTO BÁSICO, O FILME (2007), O MERCADO DE NOTÍCIAS (2014),  REAL BELEZA (2015), QUEM É PRIMAVERA DAS NEVES (2017) e RASGA CORAÇÃO (2018). Dirigiu também vários curtas-metragens premiados no Brasil e no exterior, como O DIA EM QUE DORIVAL ENCAROU A GUARDA (1986), BARBOSA (1988), ILHA DAS FLORES (1989), ESTA NÃO É A SUA VIDA (1991), ÂNGELO ANDA SUMIDO (1997), e O SANDUÍCHE (2000). Para a TV Globo, dirigiu a série CENA ABERTA (2003), a minissérie LUNA CALIENTE (1998), DECAMERÃO (2010), as três temporadas de HISTÓRIA DO AMOR (2011/ 2012/2013), e os telefilmes HOMENS DE BEM (2011) e DOCE DE MÃE (2012). Este último originou a série em 14 episódios DOCE DE MÃE (2014) e rendeu dois prêmios Emmy Internacional: Melhor atriz, para Fernanda Montenegro, em 2013, e Melhor Série de Comédia, em 2015. Jorge Furtado é um dos sócios-fundadores da Casa de Cinema de Porto Alegre.

Luisa Geisler nasceu em 1991, em Canoas, Rio Grande do Sul. É escritora e tradutora. Autora de Luzes de emergência se acenderão automaticamente (Alfagura, 2014), De espaços abandonados (Alfagura, 2018) e Enfim, capivaras (Editora Seguinte, 2019), foi duas vezes vencedoras do Prêmio Sesc de Literatura, além de finalista do Prêmio Machado de Assis, semifinalista do Prêmio Oceanos de Literatura e duas vezes finalista do Jabuti. É mestre em processo criativo pela Universidade Nacional da Irlanda.Tem textos publicados e traduzidos em maia de 10 países.

Sarau da Clara Corleone

“Humor” com Jorge Furtado e Luisa Geisler

5 de dezembro, quinta-feira, às 20h30

Couvert a R$ 10,00 em dinheiro// R$ 15,00 em cartão

Von Teese – Rua Bento Figueiredo 32

 

Clara Corleone em Zero Hora de hoje

zh_06.11.19.jpg

Livro O Homem Infelizmente Tem Que Acabar na revista Donna em Zero Hora do fim de semana

zh_02.11.19.jpg

Livro “O homem infelizmente tem que acabar” na coluna de Claudia Tajes em Zero Hora

zh_26.10.19.jpg

Clara Corleone no Correio do Povo de hoje

correiodopovo_02.10.19.jpg

Blog no WordPress.com.

Acima ↑