Busca

Bruna Paulin

Assessoria de Flor em Flor

Categoria

Teatro

Festival de Teatro para Crianças no Correio do Povo de hoje

correiodopovo_10.10.19

Tóin 2: Dança para Segunda Infância na mídia

zh_10.10.19

 

correiodopovo_10.10.19

Festival de Teatro para Crianças na capa do Correio do Povo de hoje

correiodopovo_08.10.19

 

correiodopovo2_08.10.19

Festival de Teatro para Crianças na imprensa

jc_08.10.19

 

zh2_08.10.19

 

metro_08.10.19

 

 

1º Festival de Teatro Para Crianças no Correio do Povo

correiodopovo_06.10.19.jpg

Letrux apresenta novo espetáculo dia 22 de outubro no Teatro da Unisinos

letrux_credito_Sillas-Henrique(3)

“Línguas e poesias” traz a compositora e cantora declamando poemas e apresentando versões de músicas em português, inglês, francês, espanhol e italiano

 

Porto Alegre, 30 de setembro de 2019 – Na terça-feira, 22 de outubro, às 20h30, Letrux retorna a Porto Alegre para única sessão de seu espetáculo inédito Línguas e Poesias, no Teatro da Unisinos. Após encerrar a turnê de seu primeiro disco, a compositora, cantora, atriz e escritora Letícia Novaes retorna à cidade para apresentar seu mais recente projeto, que estreou em fevereiro deste ano, no Clube Manouche, no Rio de Janeiro.

Em Línguas e Poesias, Letrux declama poemas próprios e de autores como Hilda Hilst, Sylvia Plath, Drummond e muitos outros, além de cantar em português, inglês, francês, espanhol e italiano. Com os músicos Thiago Vivas ao piano e Lourenço Vasconcellos no vibrafone, Línguas e Poesias é beleza e delicadeza no palco com a força e o talento de Letrux, uma das grandes artistas pop do país.

Com produção  local da Árido Produtora, os ingressos para “Línguas e Poesias” estão à venda pela plataforma Sympla – https://www.sympla.com.br/letrux—linguas-e-poesias__625081 com ingressos entre R$ 50,00 e R$ 160,00.

 

Árido Produtora apresenta Letrux em “Línguas e Poesias”

Terça-feira, 22 de outubro, às 20h30, no Teatro da Unisinos.

Ingressos à venda: https://www.sympla.com.br/letrux—linguas-e-poesias__625081

Primeiro Lote: R$ 50 – Meia*/Solidário**

Segundo Lote: R$ 65 – Meia*/Solidário**

Terceiro Lote: R$ 80 – Meia*/Solidário**

* Meia-entrada – Para o benefício da meia-entrada (50% de desconto), é necessária a apresentação da Carteira de Identificação Estudantil (CIE – http://bit.ly/docdoestudante) na entrada do espetáculo. Os documentos de estudante válidos estão determinados na Lei Federal 12.933/13.

** Solidário – Valor reduzido, disponível para qualquer pessoa, mediante a doação de um agasalho em bom estado ou 1kg de alimento não perecível. As doações deverão ser entregues na porta do teatro, na entrada ao evento.

*** Valores de Inteira: R$ 100,00 R$ 130,00 e R$ 160,00.

As portas do teatro serão abertas as 20:00.  Não haverá setores definidos ou lugares marcados. A ocupação se dará por ordem de chegada. Programe-se com antecedência e chegue cedo!

Produção: Árido Produtora

Parceria: Clandestina e Livraria Baleia

Apoio cultural: Laghetto Hotéis, Locare – Materiais e Cenografias para Eventos, Fatto Comunicações, Atelier de Massas, Bar do Beto

Assessoria de Imprensa – Bruna Paulin Assessoria de Flor em Flor

Primeira edição do Festival de Teatro para Crianças ocorre de 08 a 13 de outubro no Theatro São Pedro

A EXTRAORDINARIA AVENTURA ROMANTICA DE MIRANDA E LEO LOURIVAL 01 - Vilmar Carvalho

Programação conta com seis espetáculos e cinco atividades formativas

Parte das apresentações terão acessibilidade com tradução para LIBRAS

 

Porto Alegre, 30 de setembro de 2019 – O Ministério da Cidadania e Porto Alegre Airport apresentam a primeira edição do Festival de Teatro para Crianças, que ocorre de 08 a 13 de outubro no Theatro São Pedro. O evento surge com o compromisso de se tornar um festival cultural permanente da cidade de Porto Alegre, apresentando uma programação artística de qualidade voltada para os mais variados públicos infantis. Além dos espetáculos, o FESTECRI conta com atividades de formação e discussão sobre o trabalho artístico desenvolvido para as crianças, dirigido principalmente aos grupos de teatro local, ampliando oportunidades de atuação e o intercâmbio artístico.

Realizado no Theatro São Pedro, um dos mais importantes espaços culturais da cidade de Porto Alegre, a atividade tem foco nos estudantes do ensino fundamental da rede pública municipal e estadual, que podem agendar a sua participação gratuita, através das escolas, pelo email festecri.poa@gmail.com ou pelo contato no site do festival. Os espetáculos terão receptivo para as crianças com performance de palhaçaria, além de tradução para LIBRAS nas sessões da manhã. Com curadoria de Dilmar Messias, Diretor Artístico do São Pedro, o festival contará com 12 apresentações teatrais e cinco atividades formativas.

Com sessões às 10h e 15h, de terça a sexta, e às 11h e 16h, no sábado e domingo, o público poderá conferir os espetáculos Macbeth e o Reino Sombrio: Shakespeare para Crianças, do Coletivo Órbita, Orquestra de Brinquedos, O Enigma das Caixas, da Cia Halarde de Teatro, Expedição Monstro, da Cia Indeterminada, A Extraordinária Aventura Romântica de Miranda e Léo Lorival, da Cia Stravaganza e Picadeiro Faz de Conta da Cia Rústica.

Segundo Dilmar, “A formação de plateia se constitui em uma ferramenta fundamental de cultura, educação e civilização, e por isso iniciativas como a do Festival de Teatro para Crianças possui tanta importância”, afirma.

Entre segunda e sexta-feira, ocorrem as Atividades Formativas, sempre às 16h, na sala térreo do Theatro São Pedro. Na segunda, dia 07, ocorre o debate Curadoria em projetos para Crianças, que reúne os curadores Andréia Vigo, Dilmar Messias, Chris Dias e Michele Rolim para refletir sobre o tema da curadoria em projetos culturais para crianças. Os profissionais irão compartilhar suas experiências e conversar sobre os diversos pensamentos curatoriais praticados por eles no que diz respeito à infância. Na terça, ocorre o encontro do Centro Brasileiro Teatro para Infância e Juventude, com Cleiton Echeveste, presidente do Conselho de Administração, e Viviane Juguero, coordenadora do Núcleo Regional em Porto Alegre.

O jornalista, escritor, professor e crítico teatral Antonio Hohlfeldt ministra workshop Dramaturgia infantil no Brasil, na quarta, 09 de outubro. Já a dramaturga, pesquisadora, atriz e professora Viviane Juguero é a professora do workshop Especificidades dialógicas do teatro para infância, que ocorre na quinta. As atividades formativas encerram na sexta, 11 de outubro, com o workshop A tradução e a interpretação de LIBRAS no teatro – espetáculos acessíveis com a tradutora intérprete de LIBRAS e professora universitária Celina Xavier Neta. As atividades formativas têm entrada franca e as inscrições podem ser feitas, também, através do festecri.poa@gmail.com

Os ingressos para os espetáculos teatrais custam entre R$ 15 (meia) e R$ 30 (inteira), à venda na bilheteria e site do teatro – www.teatrosaopedro.com.br/ingressos

O Festival de Teatro para Crianças é apresentado pelo Ministério da Cidadania e Porto Alegre Airport. Conta com patrocínio Banrisul, Seja Vero e apoio cultural da Panvel Farmácias. O projeto é realizado pela Primeira Fila Produções, em parceria com o Theatro São Pedro, e financiado pela Lei de Incentivo à Cultura Federal. Além do apoio da TVE FM Cultura, CBTIJ, MOVE e KOMBINA.

MAIS INFORMAÇÕES: WWW.FESTECRI.COM

 

ESPETÁCULOS TEATRAIS

Theatro São Pedro

08 a 13 outubro

 

08 outubro | terça

10h com tradução para libras | 15h

MACBETH E O REINO SOMBRIO: SHAKESPEARE PARA CRIANÇAS

Coletivo Órbita – 50min

Os generais de guerra Macbeth e Banquo voltam vitoriosos de uma batalha contra a Noruega. Passando por um pântano, se deparam com três bruxas que fazem previsões sobre o futuro: “Macbeth será Barão de Cawdor e, futuramente, Rei. E Flaêncio, filho de Banquo, também será Rei”. Diante a profecia das bruxas, a ambição de Macbeth e sua esposa, Lady Macbeth, os leva a cometer uma traição, que desencadeará vários conflitos.

Vencedor Prêmio Tibicuera 2018 e Prêmio Braskem Em Cena 2019 categoria destaque

texto MACBETH DE WILLIAM SHAKESPEARE ǀ adaptação e direção JOÃO PEDRO DECARLI ǀ elenco CAMILA PASA, JOÃO PEDRO DECARLI e RODRIGO WASCHBURGER ǀ trilha sonora original e operação de som RAFAEL DECARLI ǀ criação e operação de luz BATHISTA FREIRE ǀ figurino e cenografia COLETIVO ÓRBITA

 

09 outubro | quarta | 10h e 15h

ORQUESTRA DE BRINQUEDOS

50min

Vestidos como soldadinhos de brinquedo, cinco talentosos músicos apresentam O Trenzinho do Caipira (Villa-Lobos), Alecrim, Marcha Soldado, o tema da Nona Sinfonia (Beethoven), Imagine (John Lennon) e outras composições conhecidas do público de todas as idades, com divertidos e criativos arranjos.

O espetáculo inicia como um cortejo, com os soldadinhos marchando pelo meio do público enquanto tocam sinos musicais. Na segunda parte, a Orquestra sobe ao palco e toca, de verdade, com instrumentos de brinquedo: guitarra, baixo, piano, trompete, acordeon e sinos musicais.

direção e arranjos YANTO LAITANO ǀ músicos YANTO LAITANO, FÁBIO “MUSKLINHO” LY, FILIPE NARCIZO, BETO CHEDID e BRUNA BALIARI ǀ músicos de apoio BIANCA RHODEN, MATHEUS HERRMAN, AMILTON RITZEL e RODRIGO MASSIA ǀ figurino criação e confecção DANIEL LION ǀ operação de som MARCELO BULLUM ǀ operação de luz MARGA FERREIRA ǀ cenário LU DELACROIX

 

10 outubro | quinta

10h com tradução para libras | 15h

O ENIGMA DAS CAIXAS

Cia Halarde de Teatro – 50min

Caixinhas do Sul era uma cidade que ficava nem perto nem longe. La vivia Joaquim, um menino que escrevia histórias na praça. Todos os dias as coisas aconteciam do mesmo jeito. Até que um dia…”

Qual o segredo das caixas? Por que exercem um fascínio tão grande? O mistério sobre seu conteúdo, a expectativa do momento da abertura, as infinitas possibilidades de tamanho e formato, tudo isso faz das caixas objetos particularmente atraentes na visão das crianças. A proposta do espetáculo é interagir, de forma lúdica e descontraída, com clássicos da literatura que falam sobre mitos (Pandora e Zeus) e obras que transcendem o seu tempo (O Pequeno Príncipe e Otelo).

É contada a história de Quim (Joaquim), um menino que vive em Caixinhas do Sul, e que gosta de criar e escrever aventuras. Certo dia, ele encontra um homem com um saco contendo várias caixas, o Senhor das Caixas, e delas são tiradas histórias que levam o menino a sonhar e criar outras histórias, remetendo o público a uma série de significações e intertextualidades.

direção PAULO GUERRA ǀ dramaturgia ELÔ FERNANDES e HELÔ BACICHETTE ǀ elenco CARLOS PAIXÃO, JONY PEREIRA, MAURÍCIO SCHNEIDER, RENATA STEIN, NETO FAGUNDES (voz off) ǀ figurino TITI LOPES ǀ cenografia JONY PEREIRA ǀ trilha sonora original BEN-HUR BORGES ǀ objetos cênicos em tecido ISOLDE e MAURÍCIO SCHNEIDER ǀ objetos cênicos em madeira JONY PEREIRA ǀ maquiagem SIL GOLLMANN ǀ iluminação ANILTON SOUZA ǀ arte SANDRO KA ǀ videomaker KETHYENE MEGINE SPERHACKE ǀ coreografia RENATA STEIN ǀ operação de som FABIO CUNHA ǀ letra adaptada “A felicidade cabe dentro de uma caixinha” SAMUEL SODRÉ e GERSON TOIGO ǀ assessoria psicopedagoga ANDRÉA KORENOWSKI URANGA ǀ realização CIA HALARDE DE TEATRO

 

11 outubro | sexta

10h com tradução para libras | 15h

EXPEDIÇÃO MONSTRO

Cia Indeterminada – 55min

Quatro crianças se juntam para uma emocionante expedição na floresta. Muito diferentes entre si, nesta aventura se deparam com um mundo novo, cheio de magia, diversão e criaturas estranhas. Na floresta, encontrarão um novo sentido para a palavra amigo e enfrentarão seus monstros e medos, reais e imaginários. Munidos com equipamentos e informações estratégicas, terão seus limites e habilidades testadas pelos enigmáticos monstros que habitam o local. Mas as crianças não precisam se preocupar, pois como todos os bons exploradores, têm a coragem correndo em suas veias!

Vencedor Prêmio Tibicuera 2018

Direção e Concepção O GRUPO ǀ Dramaturgia MATHEUS MELCHIONNA, a partir de improvisações colaborações do grupo ǀ Elenco ANA CAROLINE DE DAVID, BRUNA CASALI, DANUTA ZAGHETTO, LUIZ MANOEL DE OLIVEIRA, MAURÍCIO SCHNEIDER, PHILLIPE COUTINHO e SILVANA RODRIGUES ǀ Figurinos e Maquiagem CAMILA FALCÃO e MARI FALCÃO ǀ Trilha Sonora Original CARINA LEVITAN e GUILHERME CERON ǀ Cenografia RITA SPIER, RODOLFO RUSCHEINSKY e GRUPO ǀ Objetos Cênicos RITA SPIER ǀ Produção ANA CAROLINE DE DAVID, DANUTA ZAGHETTO e MAURÍCIO SCHNEIDER

 

12 outubro | sábado

11h com tradução para libras | 16h

A EXTRAORDINÁRIA AVENTURA ROMÂNTICA DE MIRANDA E LÉO LORIVAL

Cia Stravaganza – 60min

Nas Terras Médias, entre os reinos de Velda e Melra, enquanto acontece a dura Guerra dos Mil e Um Anos, Leo Lorival e Miranda apaixonam-se e juram amor eterno. Ambos, com seis anos de idade. Mas, as controvérsias do destino, os tumultos das lutas entre os povos e as tragédias do acaso sempre irão dificultar o cumprimento desta jura de amor. Com Leo Lorival, constantemente, em busca de Miranda, e Miranda à procura de Leo Lorival, até o encontro em que hão de se unir.

E – só para lembrar – esta peça contém um dragão!

dramaturgia original FLAVIO DE SOUZA ǀ direção ADRIANE MOTTOLA ǀ elenco DUDA CARDOSO, JANAINA PELIZZON e MIRIÃ POSSANI ǀ elenco coadjuvante RICARDO VIVIAN e FELIPE ZANCANARO ǀ cenografia YARA BALBONI ǀ figurino ANTONIO RABADAN ǀ iluminação e videografia RICARDO VIVIAN ǀ trilha sonora original FELIPE ZANCANARO ǀ Produção ADRIANE MOTTOLA, DUDA CARDOSO e LAURO RAMALHO ǀ realização CIA STRAVAGANZA

 

13 outubro | domingo

11h com tradução para libras | 16h

PICADEIRO FAZ DE CONTA

Cia Rústica – 45min

Montagem teatral que busca estimular a capacidade de imaginar juntos, pais e filhos. A peça celebra a brincadeira, a imaginação e a memória em um picadeiro onde tudo pode acontecer e todos podem ser o que quiserem. Brincando de “faz de conta”, os personagens Grandão, Faceira e Calma Leão nos convidam a inventar mundos e lembrar grandes artistas brasileiros.

Histórias, rimas, canções, jogos, bambolês, teatro, referências pop e o universo circense compõem esse picadeiro sensível e agitado que propõe um encontro festivo com o público.

direção PATRÍCIA FAGUNDES ǀ elenco DI NARDI, HEINZ LIMAVERDE e ROBERTA ALFAYA ǀ composição dramatúrgica PATRÍCIA FAGUNDES ǀ figurinos, cenografia e trilha pesquisada CIA RÚSTICA DE TEATRO ǀ cenografia RODRIGO SHALAKO ǀ assistência de produção DIEGO NARDI

 

 

ATIVIDADES FORMATIVAS

Theatro São Pedro I sala térreo

07 a 11 outubro

 

07 outubro I segunda I 16h às 18h

Curadoria em projetos para crianças

com ANDRÉIA VIGO, curadora do Cine Caramelo, CHRIS DIAS, escritora e curadora da Kombina, DILMAR MESSIAS, diretor de programação do Theatro São Pedro e MICHELE ROLIM, jornalista, crítica e Membro da Rede de Festivais Internacionais Brasileiros para Crianças e Jovens – FIBRA

O debate reúne os curadores Andréia Vigo, Chris Dias, Dilmar Messias e Michele Rolim para refletir sobre o tema da curadoria em projetos culturais para crianças. Os profissionais irão compartilhar suas experiências e conversar sobre os diversos pensamentos curatoriais praticados por eles no que diz respeito à infância.

público: profissionais da cultura, classe artística, curadores, educadores, escritores, estudantes e interessados no assunto

 

08 outubro I terça I 16h às 18h

Encontro do Centro Brasileiro Teatro para a Infância e Juventude – CBTIJ/ASSITEJ Brasil

com CLEITON ECHEVESTE, presidente do Conselho de Administração, e VIVIANE JUGUERO, coordenadora do Núcleo Regional em Porto Alegre

O tema principal do debate é a apresentação do CBTIJ/ASSITEJ Brasil, suas redes nacionais e internacionais, suas principais ações e projetos. Será abordada a importância das ações em rede, especialmente em um país com as dimensões do Brasil, com todos os desafios que a contemporaneidade e o nosso período histórico requerem.

público: profissionais do teatro, classe artística, educadores, produtores culturais, estudantes e interessados no assunto

 

09 outubro I quarta I 16h às 18h

Dramaturgia infantil no Brasil

com ANTONIO HOHLFELDT, jornalista, escritor, professor universitário e crítico teatral

workshop: abordar as origens da dramaturgia brasileira dirigida às crianças e, ao mesmo tempo, propor alguns valores e características dessa dramaturgia, destacando, especialmente, que não existe uma dramaturgia para crianças, mas várias dramaturgias para diferentes crianças.

público: profissionais do teatro, classe artística, escritores, educadores, estudantes e interessados no assunto

 

10 outubro I quinta I 16h às 19h

Especificidades dialógicas do teatro para a infância

com VIVIANE JUGUERO, dramaturga, pesquisadora, atriz e professora

workshop: o conhecimento sobre as especificidades das produções voltadas ao público infantil possibilita a realização de trabalhos fundamentados tanto artística quanto pedagogicamente. Além do embasamento necessário à criação artística, a formação de profissionais da área resulta em projetos mais qualificados, o que amplia as possibilidades de aprovação em editais de fomento.

público: profissionais do teatro, classe artística, educadores, produtores culturais, estudantes e interessados no assunto

 

11 outubro I sexta I 16h às 18h com tradução para libras

A tradução e a interpretação de LIBRAS no teatro – espetáculos acessíveis

com CELINA XAVIER NETA, tradutora intérprete de LIBRAS e professora universitária

workshop: desmistificar a LIBRAS e o trabalho do tradutor intérprete no teatro, criando um espaço de diálogo e de aproximação entre a classe artística e os TILSs (Tradutores e Intérpretes da Língua Brasileira de Sinais), profissional com formação, fluência e certificação para o exercício da atividade.

público: profissionais do teatro, classe artística, técnicos de luz e áudio, produtores culturais, educadores, estudantes de Artes Dramática ou de Letras-Libras, tradutores intérpretes de LIBRAS e interessados no assunto

 

EQUIPE

Curadoria: DILMAR MESSIAS

Concepção e Coordenação Geral: LETICIA VIEIRA e MICHELE MASTALIR

Atividades Formativas: ANDRÉIA VIGO, ANTONIO HOHLFELDT, CELINA XAVIER NETA, CHRIS DIAS, CLEITON ECHEVESTE, DILMAR MESSIAS, MICHELE ROLIM e VIVIANE JUGUERO

Atividades com Professores: VIVIANE JUGUERO

Atividades nas Escolas: FRANCISCO GICK e GUEGA PEIXOTO

Design Gráfico: UOU DESIGN

Site: FRANCISCO GICK

Redes Sociais: STEPHANIE EVALDT

Assessoria de Imprensa: BRUNA PAULIN – ASSESSORIA DE FLOR EM FLOR

Vídeo e fotografia: TOM PERES

Produção: DANIELA LOPES

Produção Administrativa: DANIELA MAZZILLI

Realização: PRIMEIRA FILA PRODUÇÕES

 

SERVIÇO

ESPETÁCULOS TEATRAIS

Theatro São Pedro

08 a 13 outubro

AGENDAMENTO GRATUITO PARA ESCOLAS PÚBLICAS E ENTIDADES SOCIAIS:

festecri.poa@gmail.com

INGRESSOS:

R$30 (inteira) | R$15 (meia) 

50% desconto: associados da AATSP; pessoas 60+; estudantes; pessoas com deficiência; jovens de baixa renda; doadores regulares de sangue; na entrega de 1 brinquedo e/ou 1 kit de material escolar para doação ao Programa CIRANDA (evento de Natal para crianças de lares e abrigos de Porto Alegre).

 

ATIVIDADES FORMATIVAS

Theatro São Pedro I sala térreo

07 a 11 outubro

INSCRIÇÕES GRATUITAS: festecri.poa@gmail.com

Muovere Cia de Dança promove temporada de Tóin 2: Dança para Segunda Infância no Centro Histórico-Cultural Santa Casa

By Gui Mlagarizi12

Apresentações ocorrem do dia 10 a 13 de outubro às 16h

 

Porto Alegre, 29 de setembro de 2019 – Em comemoração ao Dia da Criança, a Muovere Cia de Dança promove temporada de 10 a 13 de outubro do espetáculo Tóin 2: Dança para Segunda Infância no teatro do Centro Histórico-Cultural Santa Casa. A montagem integra o projeto Tóin Dancinfância.

Tóin 2: Dança para Segunda Infância dança a história de três personagens e seus amigos imaginários. A pesquisa partiu do estímulo do livro As Cidades Invisíveis de Ítalo Calvino, revelando os “Marco Polinhos” que povoam o imaginário infantil. Gláucia de Souza, Maurilo Andreas, Eva Furnari, Monteiro Lobato e Maria Amália Camargo ilustram a visão poética do espetáculo. Heróis, robots, personagens de filmes e vídeos e histórias infantis atuais compõem a fantástica aventura vivida por Juju do Bigode Azul (Nilton G. Junior), R20 (Artur Bonfanti) e Romieta (Aline Karpinski) e seus avatares. Diferentes, se encontram na bola encantada para brincar de dança, cada um à sua maneira.

O Bigode Azul de Juju tem poderes de adivinhar os pensamentos. Já R20 tem a força da dança e Romieta a dança da paixão desenfreada. Segundo Jussara Miranda, diretora da companhia, que assina a concepção, direção geral e coreográfica da montagem, “os avatares são instigantes. Não falam a nossa língua, não conhecem os nossos costumes e só aparecem na Bola Encantada para brincar de dança, cada um à sua maneira. Ninguém sabe onde vivem. São curiosos, amáveis e engraçados”, revela. “Esse universo foi pensado e criado dentro de referências para crianças entre três e sete anos – como interagem com os amigos, os tipos de estímulos musicais que os fazem reagir e as brincadeiras mais populares”, afirma. A trilha sonora e os figurinos também viajam por mundos diversos.

Beto Chedid assina a trilha sonora, que conta com diversas versões de canções conhecidas do público em uma adaptação futurista, além de clássicos do folclore infantil brasileiro. A direção artística é de Diego Mac, Antonio Rabadan assina os figurinos, Sandro Ka a identidade e programação visual e Gui Malgarizi a fotografia e colaboração em pesquisa.

Os ingressos custam R$ 40,00 e tem 50% de descontos para crianças, estudantes, idosos e classe artística e podem ser adquiridos pelo sympla – https://www.sympla.com.br/toin-2-danca-para-segunda-infancia__661518 ou no local uma hora antes de cada sessão.

 

TÓIN 2: Dança para Segunda Infância

10 a 13 de outubro (quinta à domingo), às 16h

Duração: 40 minutos

Teatro do Centro Histórico-Cultural Santa Casa

Ingressos R$ 40,00

Descontos para crianças, estudantes, idosos e classe artística.

Antecipados pelo sympla – https://www.sympla.com.br/toin-2-danca-para-segunda-infancia__661518

Ou no local uma hora antes do espetáculo

Muovere Cia de Dança promove apresentações de Tóin: dança para bebês no Teatro Eva Herz – Livraria Cultura

Tóin 1 - credito Gui Malgarizi

Apresentações ocorrem no dia 21 de setembro em dois horários

 

No dia 21 de setembro (sábado), a Muovere Cia de Dança, através do seu projeto Tóin Dancinfância, promove sessões do espetáculo Tóin – Dança para Bebês no Teatro Eva Herz, localizado na Livraria Cultura (Bourbon Shopping Country). Serão duas sessões, às 14h30 e às 16h30.

Tóin – Dança para Bebês lançou em 2012 o formato de espetáculo destinado para bebês de 0 a 03 anos e acompanhantes, utilizando a linguagem da dança como motivação.  Inspirado em autores da literatura infantil, como Gláucia de Souza e Eva Furnari, Monteiro Lobato e Mário Quintana, em animações e em memórias de infância dos bailarinos e diretores, incluindo relatos, fotos e dossiês. A equipe de criação do projeto pesquisou um conjunto de referências pautadas no movimento do corpo, como um dos primeiros sinais que o bebê manifesta através de gestos dançados. Por Marcelo Delacroix, a trilha é composta de canções originais como a dança dos palitos, a dança dos dedinhos e das perninhas. Bruno Fernandes, Carini Pereira, Arthur Bonfanti e Aline Karpinski integram o elenco do espetáculo para dançar os personagens Ventania, Papel, Mola e Flor.

Com direção geral e coreográfica de Jussara Miranda e artística de Diego Mac, Tóin já foi apresentado em mais de 150 sessões em todo Brasil, entre festivais, mostras, feiras e escolas. A companhia também participou do programa Game para Bebês da Ana Maria Braga, Rede Globo, como também do importante projeto UM NOVO OLHAR- Festival de Artes para a primeira infância, promovido pelo SESC São Paulo.

A equipe do espetáculo também é composta pelo ensaiador e assistente de direção artística Nilton Gaffree. Os figurinos são de Antonio Rabadan e a trilha sonora original de Marcelo Delacroix e Beto Chedid. Conceito gráfico de Sandro Ka e produção de Ana Paula Reis.

Os ingressos custam R$ 40,00 e tem 50% de descontos para estudantes, idosos, jovens de baixa renda e pessoas com deficiência.

 

TÓIN: dança para bebês

Dia 21 de setembro (sábado), às 14h30min e às 16h30min.

Duração: 40 minutos

Teatro Eva Herz – Livraria Cultura / Bourbon Shopping Country – Av. Tulio de Rose, 80. Piso 2 – Loja 302. Bairro Passo d’Areia

Ingressos R$ 40,00

Descontos para bebês/crianças, estudantes, idosos, jovens de baixa renda, pessoas com deficiência.

São considerados doadores regulares de sangue a mulher que se submete à coleta pelo menos duas vezes ao ano, e o homem que se submete à coleta três vezes ao ano.

Link para compra de ingressos: https://compre.ingressorapido.com.br/event/62180-2/d/71197/s/370169

Blog no WordPress.com.

Acima ↑