Busca

Bruna Paulin

Assessoria de Flor em Flor

Tag

PAR

zh_21

Fantomaticos lança single de Natal

FANTOMATICOS-02_Créditos-Fábio-Alt

Duas músicas e clipe estão disponíveis no site da banda

 

Porto Alegre, 21 de dezembro de 2015 – Para encerrar 2015, os Fantomaticos lançam nesta segunda-feira, dia 21 de dezembro, o novo single com duas músicas de seu terceiro disco, com lançamento previsto para o primeiro semestre de 2016. O material, editado pelo selo Ué Discos, estará disponível no site da gravadora e também nos canais de música on demand.

Em um clima cheio de amor e boas energias, o single traz “Vale”, composição do tecladista e vocalista Rodrigo Trujillo, e “Par”, uma balada do guitarrista e vocalista Augusto Stern. As canções remetem a uma sonoridade mais acústica, com violão, mandolina, escaleta e arranjos de cordas, com uma temática bem pessoal nas letras. “Este novo single é nosso cartão de boas festas e feliz ano novo, por isso duas músicas cheias de amor”, revelam.

“Vale” também é lançado em clipe, dirigido por Bruno Carvalho, que também foi o responsável pelos vídeos de ‘Ao Longe’ e ‘Derreter Na Estrada’, do disco anterior do grupo, “Dispersão”. O vídeo é estrelado por Valentin Trujillo, filho de Rodrigo, de cinco anos.

O trabalho marca a estreia do novo baterista na banda, Pedro Petracco. Figura renomada do cenário roqueiro de Porto Alegre, Petracco participará das gravações do novo álbum dos Fantomaticos, que inicia em janeiro.

 Ouça as músicas – https://fantomaticos.bandpage.com/

Assista ao clipe – https://www.youtube.com/watch?v=90tN5DIVWzI

JC_20.12.2013

PAR na Imprensa

correiodpovo_30.11.13

zerohora_30.11.13

osul_01.12.2013 zerohora_01.12.13

correiodopovo_29.11.13jornaldocomercio_29.11.23

metro_29.11.2013

pioneiro_12.11

Vivo traz o Grupo Ponto de Partida de volta a Porto Alegre, com o espetáculo PAR, um musical apaixonante!

Guto-Muniz-1p

 

A elogiada trupe mineira, retorna à capital gaúcha com o espetáculo PAR nos dias 30 de novembro e 1º de dezembro, no Theatro São Pedro

Com patrocínio da Vivo, através do projeto Vivo EnCena, o Grupo Ponto de Partida, depois de encantar o público gaúcho com o espetáculo “Pra Nhá Terra”, retorna a Porto Alegre com PAR, um musical apaixonante! Com visual arrebatador, o mais novo espetáculo da trupe, canta o PAR em seus vários tons, através de canções de Chico Buarque, Caetano Veloso, Tom Jobim, Dorival Caymmi, Milton Nascimento, Rita Lee, entre outros. Porto Alegre é a sexta cidade brasileira a receber o musical, nos dias 30 de novembro e 1º de dezembro, encerrando a turnê de 2013. No dia 1º, após o espetáculo, acontece uma edição da série “Encontros Vivo EnCena”, que conta com a participação do Grupo a partir do tema “Teatro e Transformação” com mediação de Expedito Araujo, curador do projeto.

PAR dá continuidade à pesquisa do Ponto de Partida de uma linguagem e uma estética para o musical brasileiro, em que o ator é o centro do espetáculo. Ele canta, dança, interpreta e constrói, com sua ação, o espaço cênico.  Nesse espetáculo, no entanto, mais do que em qualquer outro do grupo, a música é soberana – toda a história é contada por ela. Com formação instrumental ao vivo de violão (Gilvan de Oliveira), sax (Cléber Alves) e percussão (Serginho Silva), a música se divide entre esse trio, os atores e adereços que, de quando em vez, se transformam em instrumentos percussivos.

PAR é um espetáculo que tem como tema a relação e seus inúmeros tons: o enamoramento, a paixão, o ciúme, a dor, os encontros, os desencontros, a celebração do amor. Para caminhar por esse tema com delicadeza e humor, o Grupo elegeu músicas de Chico Buarque, Dorival Caymmi, Tom Jobim, Ary Barroso, Caetano Veloso, Milton Nascimento, Vander Lee, Cartola, Rita Lee e canções de Pablo Bertola e Lido Loschi, especialmente compostas para o espetáculo. A direção musical e os arranjos são de Gilvan de Oliveira.

A plasticidade e a beleza são objetivos incessantemente buscados pelo Ponto de Partida em todas as suas montagens. O figurino, o desenho cênico, a luz são instrumentos fundamentais na construção desse resultado. Em PAR, a pesquisa de luz feita por Jorginho de Carvalho e o Grupo avança e a iluminação tem um resultado mágico que, com certeza, encantará a plateia.

Como a proposta era fazer um espetáculo dançante, o Ponto de Partida trouxe da Alemanha para incorporar-se à sua equipe técnica, o bailarino e coreógrafo Wagner Moreira, professor convidado em 2013 da Universidade de Dança de Dresden – Palucca Hochschüle für Tanz, que assina a preparação corporal e coreografias de PAR, um espetáculo que, galantemente, convida o público para dançar.

O retorno a Porto Alegre consolida a parceria do Programa Vivo EnCena com o Ponto de Partida e também reforça a relação do Grupo com a cidade que, desde o primeiro contato, em 2001, foi maravilhosa. O Ponto de Partida esteve pela primeira vez na cidade com a montagem Viva o Povo Brasileiro, integrando a programação do festival de teatro internacional Porto Alegre Em Cena. Em 2011, acompanhados dos Meninos de Araçuaí, lotaram o São Pedro com as apresentações de Pra Nhá Terra, marcando o lançamento do DVD do espetáculo.

 “O Vivo EnCena é voltado especialmente para projetos envolvidos em processos contínuos e que visam a formação, reflexão e transformação a partir do fazer teatral, comprometidos com pesquisas de linguagem e com o compartilhamento de metodologias, inovações, experiências e resultados. A parceria com o Ponto de Partida é um exemplo vivo de nossa ação”, afirma Expedito Araújo, curador artístico do Vivo EnCena. Além das apresentações dos espetáculos, outras ações vêm sendo possibilitadas, como workshops e intercâmbio com outros grupos culturais não só de Minas, mas do país inteiro.

Com 32 anos de trajetória, o Grupo Ponto de Partida estabeleceu-se como uma referência na investigação teatral. Pesquisou e desenvolveu uma linguagem única para musicais brasileiros e construiu uma dramaturgia inédita a partir da obra de autores como Guimarães Rosa, Carlos Drummond de Andrade, Jorge Amado, Manoel de Barros, Adélia Prado, Bartolomeu Campos de Queirós e compositores como Milton Nascimento e Chico Buarque. O grupo formou-se tecnicamente com os principais nomes do país – Fernanda Montenegro, Sérgio Britto, Cacá Carvalho, Jorginho de Carvalho, Babaya, Gilvan de Oliveira, para citar alguns. E é também o responsável pela criação e coordenação dos projetos Coro Meninos de Araçuaí, Bituca: Universidade de Música Popular e Corredor Cultural Ponto de Partida.

A turnê, que começou em abril na cidade de Vitória, já passou por Belo Horizonte, Salvador, Recife, Belém e Manaus e se encerra em Porto Alegre. As apresentações acontecem nos dias 30 de novembro, às 21h, e 1º de dezembro, às 18h, no Theatro São Pedro, com ingressos entre R$ 30,00 e R$ 10,00 e desconto para Clientes Vivo Valoriza. As entradas já estão à venda na bilheteria do teatro.

ENCONTROS VIVO ENCENA

Após a apresentação no dia 1º de dezembro, domingo, a diretora Regina Bertola e integrantes do Grupo Ponto de Partida participam da série Encontros Vivo EnCena. Com o tema “Teatro e Transformação”, o debate será mediado pelo pesquisador em gestão cultural e curador do Vivo EnCena, Expedito Araujo.

A série “Encontros Vivo EnCena – Teatro e Transformação” pretende envolver o público em geral da sessão de domingo, dia 1º, para trocas de experiências. O espetáculo retrata os vários tons do amor, e cria uma rica discussão sobre o papel das ralações na sociedade, os caminhos da arte e do amor. Entrada Franca para o público da sessão do espetáculo no dia 1º. (Como uma ação cultural integrada, restrito ao público da sessão do espetáculo no dia 1º).

SOBRE O PROJETO CULTURAL VIVO ENCENA

O Vivo EnCena é uma iniciativa da Vivo que estimula o intercâmbio de projetos de artes cênicas com o objetivo de contribuir para o desenvolvimento do país e da sociedade como um todo. O teatro é pensado além do espetáculo, sendo estabelecida uma rede de ações de formação de plateia, inclusão cultural e desenvolvimento profissional, compartilhando histórias inspiradoras, conceitos inovadores e ideias transformadoras no âmbito da cultura. O Vivo EnCena é realizado há dez anos e está presente em 20 estados de todo o país, além de realizar ações próprias e a curadoria do Teatro Vivo, situado na capital paulista.

“PAR”

ROTEIRO

NEM EU (VINHETA) – Dorival Caymmi

NA BAIXA DO SAPATEIRO (VINHETA) – Ary Barroso

VENETA – Edu Lobo e Chico Buarque

SENHOR DELEGADO – Antoninho Lopes, Jaú

MARIA BOA – Assis Valente

QUANDO ESSE NEGO CHEGA – Haroldo Barbosa

CARINHOSO – Pixinguinha e João de Barro (Braguinha)

POUT POURRI – CECÍLIA (Chico Buarque  e Luís Cláudio Ramos), BEBEL (Tom Jobim), DORA (Dorival Caymmi), LUIZA (Tom Jobim)

A NOIVA DA CIDADE – Francis Hime e Chico Buarque

PAR – Pablo Bertola e Lido Loschi

A VIZINHA DO LADO – Dorival Caymmi

XOTE DA CONQUISTA – Pablo Bertola e Júlia Medeiros

INTERESSA? – Carvalhinho

CHAZINHO COM BISCOITO – Vander Lee

BISCATE – Chico Buarque

FAÇAMOS (VAMOS AMAR) – Cole Porter e Carlos Rennó (versão)

VALSINHA – Vinícius de Moraes, Chico Buarque

SEM COMPROMISSO (VINHETA) – Geraldo Pereira, Nelson Trigueiro

O DENGO QUE A NEGA TEM – Dorival Caymmi

DEIXA A MENINA – Chico Buarque

SOU EU – Ivan Lins e Chico Buarque

CHORO BANDIDO (VINHETA) – Edu Lobo e Chico Buarque

FRUTA BOA – Milton Nascimento e Fernando Brant

CASO SÉRIO – Rita Lee e Roberto de Carvalho

O QUERERES – Caetano Veloso

EU TE AMO – Tom Jobim e Chico Buarque

O QUE ERA DOCE (VINHETA) – Pablo Bertola e Lido Loschi

PAR (INCIDENTAL) – Pablo Bertola e Lido Loschi

OUTRA VEZ – Isolda

HÁ DE TER ALGUÉM – Pablo Bertola e Lido Loschi

ELENCO – GRUPO PONTO DE PARTIDA

Ana Alice Souza, Carolina Damasceno, Dani Costa, Érica Elke, João Melo, Júlia Medeiros, Lido Loschi, Lourdes Araújo, Pablo Bertola, Renato Neves, Ronaldo Pereira, Soraia Moraes

BANDA

Cleber Alves – Sax

Gilvan de Oliveira – Violão

Serginho Silva – Percussão

FICHA TÉCNICA

CONCEPÇÃO: Ponto de Partida

DIREÇÃO GERAL E DRAMATURGIA: Regina Bertola

ASSISTENTE DE DIREÇÃO: João Melo

MÚSICAS ORIGINAIS: Pablo Bertola, Lido Loschi e Júlia Medeiros

DIREÇÃO MUSICAL E ARRANJOS: Gilvan de Oliveira

ASSISTENTE DE DIREÇÃO MUSICAL: Pablo Bertola

PREPARAÇÃO VOCAL: Babaya

COREOGRAFIAS E PREPARAÇÃO CORPORAL: Wagner Moreira

CENÁRIO: Alexandre Rousset, Tereza Bruzzi e Ponto de Partida

FIGURINO: Alexandre Rousset e Tereza Bruzzi

ASSISTENTE DE FIGURINO: Beth Carvalho

CONFECÇÃO DE FIGURINO: Ateliê Vera Viol e Rita Moreira

ILUMINAÇÃO: Jorginho de Carvalho

ASSISTENTE DE ILUMINAÇÃO, MONTAGEM E OPERAÇÃO DE LUZ: Rony Rodrigues

SONORIZAÇÃO: Murillo Corrêa e Cia

FOTOS: Guto Muniz e Waldir Damasceno

PROJETO GRÁFICO: Greco Design

ADAPTAÇÃO GRÁFICA: Diego Ribeiro

Produção executiva – Diego Ribeiro

Assistência de produção – Fátima Jorge, Karine Montenegro e Ronaldo Pereira

Equipe de divulgação e mobilização – Carolina Damasceno, João Melo e Lido Loschi

Administração – Dulce Dias e Fernanda Fróes

Assessoria de imprensa nacional –  Vicente Negrão

Produção local – Bendita Ideia – Jandora Alvim e Daniela Mazzilli

Assessoria de imprensa local – Bruna Paulin

 Coordenação de Produção – Júlia Medeiros e Pablo Bertola

Direção geral – Regina Bertola

Patrocínio – Vivo

Realização – Ponto de Partida

SERVIÇO

 PAR – Um musical apaixonante!

 Dias 30 de novembro e 1º de dezembro – sábado às 21h e domingo às 18h

Theatro São Pedro – Praça Marechal Deodoro, s/n

Duração: 60 minutos

Classificação: 10 anos

Ingressos: R$ 30,00 (plateia), R$ 20,00 (camarotes centrais), R$ 15,00 (camarotes laterais), R$ 10,00 (galerias)

Início das vendas em 01 de novembro

Clientes Vivo Valoriza e funcionários Vivo têm 50% de desconto para comprar até 02 ingressos. Devem apresentar fatura recente paga ou voucher Programa Vivo Valoriza. No caso de funcionários, crachá Telefônica ou Vivo. Para todos ainda é necessário apresentar documento de identificação com foto. Desconto válido somente para o titular e não cumulativo com outras promoções e/ou descontos.

zerohora_05.11

Blog no WordPress.com.

Acima ↑