Busca

Bruna Paulin

Assessoria de Flor em Flor

Tag

Multipalco

50 Tons de Pretas é a atração deste domingo no Festival de Primavera Vivar no Multipalco Eva Sopher do Theatro São Pedro

50 Tons de Pretas_Dejeane Arruée e Graziela Pires_crédito_Rogério Soares (1)

 Evento com entrada franca promove atividades gratuitas na concha acústica até dezembro

O Festival de Primavera Vivar, que ocorre no Multipalco Eva Sopher do Theatro São Pedro, recebe neste domingo, 18 de novembro, o grupo 50 Tons de Pretas, que apresenta o espetáculo “A mais pura verdade”.

A banda é composta por Dejeane Arruée, que além de vocalista e trombonista, toca pandeiro e é responsável pelos arranjos das canções, e Graziela Pires, vocalista e letrista. Os músicos que as acompanham são Cassiano Miranda (percussão), Felipe Sandas (violão), João Costa (bateria) e Vladimir Godoy (baixo).

O espetáculo “A mais pura verdade” tem orientação cênica da atriz e diretora Deborah Finocchiaro e projeção de imagens do artista Leandro Selister. O repertório conta com sambas e clássicos da MPB, além de composições autorais. O cunho político do espetáculo está presente nas canções, que buscam refletir sobre o ainda pequeno espaço ocupado pela mulher negra, a necessidade de empoderamento feminino e o reconhecimento das vitórias e reveses nesta caminhada.

A apresentação gratuita inicia às 19h. Em dezembro, o Festival promove no dia 02 a 2ª Mostra de Teatro de Bonecos, e encerrando a programação no dia 16, Canto Livre.

O Festival tem patrocínio da Vivar e realização do Multipalco Eva Sopher, Associação Amigos do Theatro São Pedro, Theatro São Pedro e Governo do Estado do Rio Grande do Sul. Para mais informações, acesse:http://www.teatrosaopedro.com.br/multipalco/

Festival de Primavera Vivar

Multipalco Eva Sopher – Concha Acústica

Sempre às 19h, com entrada franca

18/11 – 50 Tons de Pretas

2/12 – 2ª Mostra de Teatro de Bonecos

16/12 – Canto Livre

 

50 Tons de Pretas

A banda foi fundada na região do Vale do Sinos. O grupo reunido na época tinha 5 mulheres (a formação atual tem 6 meses). Com agenda cheia  desde  o  início  do  ano,  as  Pretas  se  apresentaram na  Virada  Cultural,  do Projeto  Virada  Sustentável,  primeira  edição  do Casa  Expandida na Casa  de  Cultura  Mario  Quintana,  segunda  edição do  Sarau  Voador  (London  Pub),  show  no  Meme  Santo  da  Casa  e participaram  da  Parada  de  Luta  LGBTI,  que  reuniu  mais  de  50  mil pessoas,  e  da  Cerimônia  de  encerramento  do  46º Festival  de  Cinema  de  Gramado. O grupo percorre 12 cidades do Rio Grande do Sul em 2018 com a turnê “A mais pura  verdade”, onde cantam sambas e clássicos da MPB, além de composições autorais.

Festival Primavera Vivar na capa do caderno Arte & Agenda do Correio do Povo

correiodopovo_02.11.18.jpg

Multipalco Eva Sopher do Theatro São Pedro recebe Festival de Primavera Vivar

osfagundes_credito_eduardorocha

Evento com entrada franca promove atividades gratuitas na concha acústica a partir de 14 de outubro

 

A partir de domingo, 14 de outubro, o Multipalco Eva Sopher recebe o Festival de Primavera Vivar, que reunirá atrações de música popular, samba, música de orquestra, teatro de bonecos, circo e música tradicionalista, durante seis domingos na concha acústica do local, com entrada franca.

O evento receberá, sempre às 19h de cada quinzena, Os Fagundes, Orquestra Eintracht, 2ª Mostra de Circo Multipalco, 2º Encontro de Bonecos, 50 Tons de Pretas e Canto Livre. Abrindo a programação, a família mais musical do Rio Grande do Sul vai reunir clássicos do regionalismo brasileiro, além de apresentar os sucessos que são a marca de seu trabalho. Os Fagundes, formado por Bagre Fagundes (gaitinha e voz), Neto Fagundes (voz), Ernesto Fagundes (bombo leguero e voz) e Paulinho Fagundes (violão e guitarra) vão interpretar músicas que estão enraizadas na história do grupo, como: Origens, Galpão Crioulo e Canto Alegretense.

No dia 21 de outubro, o público poderá conferir a Orquestra de Sopros Eintracht, seguida da 2ª Mostra de Circo Multipalco (04/11), 2º Encontro de Bonecos (18/11), 50 Tons de Pretas (2/12) e encerrando, com o Canto Livre, no dia 16 de dezembro.

O Festival de Primavera tem patrocínio da Vivar e realização do Multipalco Eva Sopher, Associação Amigos do Theatro São Pedro, Theatro São Pedro e Governo do Estado do Rio Grande do Sul. Para mais informações, acesse: http://www.teatrosaopedro.com.br/multipalco/

Festival de Primavera Vivar

Multipalco Eva Sopher – Concha Acústica

Sempre às 19h, com entrada franca

14/10 – Os Fagundes

21/10 – Orquestra Entracht

4/11 – 2 Mostra de Circo Multipalco

18/11 – 2 Encontro de Bonecos

2/12 – 50 Tons de Pretas

16/12 – Canto Livre

correiodopovo_28.04.18.jpg

Espetáculo Desvio na imprensa

correiodopovo_29.04.16zh_29.04.16

zh_02.04.16.jpg

Teatro Sarcáustico promove projeto de formação de plateia com apresentações de Franky/Frankenstein  

 

franky2_credito_claudioetges

Segunda montagem infantil da companhia tem apresentações dias 02 e 03 de abril no Multipalco Theatro São Pedro e depois segue para turnê por 17 regiões do Orçamento Participativo de Porto Alegre com sessões da peça e oficinas

 Projeto tem financiamento do Fumproarte

 

O Teatro Sarcáustico comemora 12 anos de pesquisa cênica em 2016 promovendo um projeto de formação de plateia, que inicia com duas apresentações de “Franky/Frankenstein” no Multipalco Theatro São Pedro, nos dias 02 e 03 de abril. Em seguida, a companhia segue por uma turnê pelas 17 regiões do Orçamento Participativo de Porto Alegre, ministrando oficinas para educadores e alunos, além de sessões do espetáculo, com entrada franca. As atividades têm financiamento do Fumproarte.

Serão ao total, 34 oficinas gratuitas de Formação de Plateia em 17 escolas públicas municipais, para alunos e professores. A atividade será dividida em três etapas: encontro com educadores; encontro com educandos e apresentação da peça. O projeto, intitulado “Formando plateias com Franky/Frankenstein”, ainda promove debates após as performances com intuito de desenvolver na prática os conteúdos das oficinas, que tem supervisão da psicopedagoga Patrícia Salge Lessa Colin.

“Estas oficinas têm como objetivo aproximar o espectador do fazer artístico, priorizando um mergulho do público na temática e nos elementos próprios da cena, antes mesmo da apreciação de um espetáculo teatral, aproximando o espectador do teatro e dando aval para sua interpretação”, afirma Patrícia. Nestes 12 anos de existência, o Sarcáustico aprofundou sua pesquisa de linguagem cênica ao experimentar novas possibilidades de utilização do espaço teatral, bem como ao elaborar e produzir espetáculos com dramaturgias inéditas, sejam originais ou adaptadas de obras literárias de autores contemporâneos. Estas se tornaram, sobretudo, as marcas dos espetáculos e das performances do grupo. Além disso, a companhia mantém oficinas de montagem e formação de plateia há seis anos na Usina do Gasômetro onde participa de residência artística através do projeto Usina das Artes – SCPMPA com uma pesquisa aprofundada na pedagogia da arte, tendo participado de projetos como Usina da Educação, entre outros.

Franky/Frankenstein é a segunda montagem para o público infantil do Teatro Sarcáustico. Tendo como inspiração o clássico Frankenstein de Mary Shelley, o espetáculo lança seu olhar sobre o estranho, as diferenças, a superação e a amizade.

“Franky/Frankenstein” é uma história de aceitação. Com uma linguagem inspirada na obra de Tim Burton, os atores narram a aventura de Victor, um menino curioso e solitário que decide criar seu próprio melhor amigo. Mas Franky, a criatura, é bem diferente do que ele esperava. Depois de muitas confusões eles vão descobrir que a amizade verdadeira não tem nada a ver com ser igual a todo mundo.

O respeito pelo outro é um dos temas abordados no espetáculo. “Um dos temas em voga no universo infantil é o bullying e, cada vez mais parece pertinente trabalhar e explorar este assunto nas diferentes instâncias em que circulam nossos pequenos”, revelam as Orientadoras Pedagógicas da peça, Catharina Silveira e Patrícia Colin. Partindo do clássico Frankenstein, de Mary Shelley, a montagem torna-se uma história de aceitação. “Franky/Frankenstein é uma peça que deseja possibilitar a nossas crianças um importante aprendizado: nossas ações geram consequências e o mundo em que vivemos depende de nossas atitudes”, afirmam.

Com direção de Daniel Colin e com Guadalupe Casal e Ricardo Zigomático no elenco, a peça tem apresentações neste final de semana, dias 02 e 03 de abril, às 16h, com ingressos a R$ 40,00 (50% de desconto para artistas, estudantes e melhor idade), na Sala de Música do Multipalco Theatro São Pedro.

Para saber mais sobre o Teatro Sarcáustico, acesse: http://teatrosarcaustico.blogspot.com.br/

Ficha Técnica

Direção Daniel Colin

Dramaturgia Teatro Sarcáustico

Elenco Guadalupe Casal e Ricardo Zigomático

Direção Coreográfica Denis Gosch

Orientação Pedagógica Catharina Silveira e Patrícia Colin

Design Gráfico Ricardo Zigomático

Cenário Douglas Dias e Ricardo Zigomático

Iluminação Maira Prates

Figurino Fabrízio Rodrigues

Trilha Sonora Teatro Sarcáustico

Produção e realização Teatro Sarcáustico

Classificação etária – a partir de 03 anos

Duração 45 min

 

Saiba Mais

Sobre o Teatro Sarcáustico

O Teatro Sarcáustico foi fundado em 2004 por formandos do curso de Artes Cênicas da UFRGS. Nestes 10 anos de trabalho continuado, o grupo criou espetáculos ousados e impactantes como os sucessos Wonderland e o que M. Jackson encontrou por lá (Prêmios Açorianos e Braskem em Cena de Melhor Espetáculo e Direção, dentre outros) e Breves Entrevistas com Homens Hediondos (Prêmio Braskem em Cena de Melhor Espetáculo). Em 2014, o Sarcáustico completou 10 anos de pesquisa continuada em artes cênicas, cujo trabalho vem se especializando em espetáculos realizados em espaços não-convencionais, com dramaturgias originais e atmosferas performáticas. O repertório conta com cinco espetáculos adultos, dois infantis, um projeto de performances urbanas e uma performance audiovisual-transmídia. O Teatro Sarcáustico atualmente é um dos grupos residentes do projeto “Usina das Artes” (PM Porto Alegre).

 

FRANKY/FRANKENSTEIN
02 e 03 de abril – sábado e domingo, às 16h.
Sala de Música Multipalco Theatro São Pedro – Praça Marechal Deodoro, s/n

Ingressos: R$40,00 (50% de desconto para artistas, estudantes e melhor idade)

Muovere Cia de Dança Contemporânea promove oficina de Técnicas Corporais no Multipalco Theatro São Pedro

oficina.jpg

Atividade ocorre de 30 de m arço a 16 de maio e é ministrada por Jussara Miranda

Estão abertas as inscrições para a oficina Técnicas Corporais, ministrada pela coreógrafa e diretora da Muovere Cia de Dança Contemporânea, Jussara Miranda. Baseada em seus estudos sobre treinamento em dança, a atividade é destinada a artistas iniciados e profissionais de dança, teatro, circo e de outras atividades físicas artísticas, com o objetivo de produzir repertório para treinamento sistemático em dança, acessando e compreendendo o corpo como ferramenta de exploração, transformação, armazenamento e distribuição. As aulas também pretendem ampliar o entendimento sobre técnicas tradicionais e autorais, instigando os participantes a desenvolverem novas práticas.

Os encontros ocorrem às segundas e quartas-feiras, das 12h30 às 13h45 e pretendem desenvolver e aprimorar as habilidades corporais dos alunos como fortalecimento muscular, ritmo, flexibilidade, memória corporal, precisão e agilidade, envolvendo técnicas interdisciplinares e procedimentos de criação coletiva e individual.

As aulas iniciam no dia 30 de março e seguem até 16 de maio, com carga horária total de 20h e certificado emitido pela companhia. As inscrições custam R$ 540,00 à vista ou R$ 600,00 parcelado no cartão e estão abertas até 28 de março através do email oficinas@multipalco.com.br

OFICINA TÉCNICAS CORPORAIS com Jussara Miranda
De 30.03 a 16.05 – segundas e quartas das 12:30 as 13:45
Carga horária: 20 horas aula. Certificado emitido pela Muovere Realizações Culturais.
Local: Sala de oficina Multipalco Theatro São Pedro – Praça Marechal Deodoro, s/n
Investimento: R$ 540,00 à vista/ R$ 600,00 em 2x no cartão
Vagas: 20
Inscrições até 28 de março, através do email oficinas@multipalco.com.br
Mais informações: http://migre.me/tgRbkE

Saiba Mais

Fundada em 1989, a Muovere Cia de Dança Contemporânea atua nas atividades de produção, fomento, formação e pesquisa em dança. Em seu repertório constam 18 produções de espetáculos, cinco performances de rua e cinco projetos de inclusão social.

Entre os principais recebidos, constam:
o PRÊMIO INCENTIVO A PRODUÇÃO CULTURAL/ IEACEN (02 edições)
o PRÊMIO AÇORIANOS DE DANÇA/SMC (05 edições)
o EM CENA BRASIL (02 edições)
o PRÊMIO KLAUSS VIANNA
o CIRCULAÇÃO FUNARTE
o PRÊMIO INTERAÇÕES ESTÉTICAS (03 edições)
o FUMPROARTE (03 edições).

jornaldocomercio_01.04.14

Blog no WordPress.com.

Acima ↑