Busca

Bruna Paulin

Assessoria de Flor em Flor

mês

junho 2014

metro_20.06.14

folhadosul_18.06.14

Galeria Mascate na imprensa

zerohora_18.06.14correiodopovo_18.06.14osul_18.06.13jc_18.06.14jc2_18.06.14

“Viral” tem estreia nacional no dia 20 de junho na Sala Álvaro Moreyra

viral_danielcolin_credito_selmacristiane(p)

Espetáculo integra a programação da Mostra Teatro Sarcáustico 10 Anos

O novo espetáculo do Teatro Sarcáustico tem estreia nacional no dia 20 de junho, na Sala Álvaro Moreyra, no Centro Municipal de Cultura. Viral toma como ponto de partida diversos personagens e situações das obras de Chuck Palahniuk, autor do cultuado “Clube da Luta”.

“O espetáculo surgiu basicamente da reflexão acerca das discussões que temos visto aflorarem na internet, sejam reais ou fictícias, proliferando como vírus descontrolados nas cabeças das pessoas em todo mundo”, revela Daniel Colin. O diretor e ator da montagem destaca o impacto das discussões curtidas e compartilhadas nas redes, sem a procura da veracidade das informações, reforçando relações superficiais. “O projeto vem versar sobre a força destas ideias e sobre o quanto elas podem ser contagiosas. E letais, por que não”?

A dramaturgia da montagem vai apresentando cenas avulsas que vão, pouco a pouco, se entrecruzando na narrativa do espetáculo. O texto é irônico, mordaz e perverso, cujas ideias – do dramaturgo e das personagens – alastram-se e disseminam-se como vírus a contaminar a quem as escuta. Daniel Colin interpreta mais de 10 personagens neste trabalho solo, com direção do próprio em parceria com Denis Gosch.

A escolha de textos do norte-americano surgiu com a leitura de “Guts”. Colin afirma ter se apaixonado pela linguagem do autor, e a partir daí, a pesquisa de textos em diversos romances de Palahniuk. “Nos deparamos com um universo muito similar àquele com que o Sarcáustico vem trabalhando nos últimos dez anos, repleto de ironia, tabus, personagens bizarros e muito humor negro, politicamente incorreto”. Segundo o ator, as personagens e a escrita de Palahniuk influenciaram a dramaturgia de Viral.

O processo de criação dos personagens foi inspirado em situações de livros do autor, como por exemplo, o rapaz que trabalha em um disque-apoio a suicidas, mas que acaba por incentivá-los a se matar. Os monólogos, escritos por Colin, eram trabalhados com diferentes energias por Denis Gosh, através de improvisações com o ator. “Cada personagem tem uma corporalidade e um gestual específico, criados nestas improvisações”.

A dupla trabalha em parceria na direção pela segunda vez. A primeira foi em Gramado, no Natal Luz, com o espetáculo “A Fantástica Fábrica de Natal”. “O processo desta parceria foi muito tranquilo e extremamente colaborativo, na qual as presenças de Juliana Kersting (assistente de direção) e da Claudia de Bem (Iluminadora) foram fundamentais na elaboração do espetáculo como um todo. Cada um colaborou no que pode para a construção da peça”, afirmam.

Viral tem apresentações nos dias 20 e 21 de junho, às 20h, na Sala Álvaro Moreyra, com ingressos a R$ 30,00 (desc. 50% para estudantes, artistas e melhor idade).

Para saber mais sobre a programação da Mostra Teatro Sarcáustico 10 Anos, acesse: http://teatrosarcaustico.blogspot.com.br/

Ficha Técnica

Direção e argumento de texto: Daniel Colin e Denis Gosch

Dramaturgia: Daniel Colin

Supervisão de dramaturgia: Felipe Vieira de Galisteo

Assistente de direção: Juliana Kersting

Atuação: Daniel Colin

Iluminação: Claudia de Bem

Video design: Thais Fernandes

Figurino: Daniel Colin

Sonoplastia: Daniel Colin e Denis Gosch

Design gráfico: Ricardo Zigomático

Produção: Daniel Colin

Realização: Teatro Sarcáustico

Saiba Mais

Sobre o Teatro Sarcáustico

O Teatro Sarcáustico foi fundado em 2004 por formandos do curso de Artes Cênicas da UFRGS. Nestes 10 anos de trabalho continuado, o grupo criou espetáculos ousados e impactantes como os sucessos Wonderland e o que M. Jackson encontrou por lá (Prêmios Açorianos e Braskem em Cena de Melhor Espetáculo e Direção, dentre outros) e Breves Entrevistas com Homens Hediondos (Prêmio Braskem em Cena de Melhor Espetáculo). Em 2014, o Sarcáustico completa 10 anos de pesquisa continuada em artes cênicas, cujo trabalho vem se especializando em espetáculos realizados em espaços não-convencionais, com dramaturgias originais e atmosferas performáticas. O repertório conta com cinco espetáculos adultos, dois infantis, um projeto de performances urbanas e um performance audiovisual-transmídia. O Teatro Sarcáustico atualmente é um dos grupos residentes do projeto “Usina das Artes” (PM Porto Alegre).

Mostra TEATRO SARCÁUSTICO 10 Anos

VIRAL

20 e 21/06 (sex. e sáb),  às 20h.

Sala Álvaro Moreyra – Centro Municipal de Cultura  – Av. Erico Verissimo, 307

R$ 30,00 (desc. 50% para estudantes, artistas e melhor idade)

folhadosul2_17.06.14

Guatambu Estância do Vinho comemora um ano de inauguração de sua vinícola enoturística

credito_robespierri_giuliani

Após um ano da abertura do local, vinícola celebra aumento de 147% no faturamento

A Guatambu Estância do Vinho, de Dom Pedrito, comemorou no dia 06 de junho o primeiro ano de inauguração de sua vinícola enoturística. Em um ano, o local recebeu mais de 4.500 visitantes e seu faturamento aumentou em 147% após a abertura do espaço.

Na última sexta-feira, a vinícola recebeu 152 participantes do Seminário de Vitivinicultura da Metade Sul. O grupo assistiu a uma palestra de Valter José Potter, diretor-proprietário da Guatambu, fez uma visita guiada à área de produção e participou de degustação dos premiados vinhos.

No dia 07, seguindo as comemorações, a Guatambu recebeu um grupo de 22 visitantes que integraram o 1º Tour da Campanha Gaúcha, organizado pela Vinho e Arte da enóloga Maria Amélia Duarte Flores. O roteiro de três dias apresenta diversos locais da região, além de visitas a três vinícolas da Campanha. A segunda edição do Tour está prevista para o mês de setembro.

A vinícola tem muito o que celebrar: após seu Rastros do Pampa Tannat receber o prêmio de melhor vinho do Top Ten ExpoVinis 2014, as vendas do mês de maio comparado a abril aumentaram 52%  no total de todos os rótulos e o a comercialização do Tannat cresceu em 104% o número de garrafas. Além disso, vários restaurantes e lojas especializadas, referência em enogastronomia incluíram os vinhos Rastros do Pampa em sua carta (exemplo restaurante Kaá, em São Paulo e Baumbach, Don Aristeu e Parrilla del Sur em Porto Alegre).

“A expectativa é que o faturamento que tivemos em maio seja mantido nos próximos meses”, revela Pötter.

Sobre a Guatambu

A Guatambu Estância do Vinho é uma vinícola boutique de Dom Pedrito, RS. Seu trabalho é realizado através de administração familiar, em pequena escala, somente com uvas próprias, lotes limitados e garrafas numeradas desde 2003. Mais informações, acesse o site:http://www.guatambuvinhos.com.br/

Teatro Sarcáustico em Zero Hora de hoje

zerohora4_16.06.14 zerohora3_16.06.14 zerohora2_16.06.14 zerohora_16.06.14

zerohora_16.06.14

Lupi, o musical na mídia

zerohora2_16.06.14
metro_16.06.14 jc_16.06.14 correiodopovo_16.06.14 osul_16.06.14

Blog no WordPress.com.

Acima ↑