Busca

Bruna Paulin

Assessoria de Flor em Flor

mês

janeiro 2013

correiodopovo_19.01

folhadosulgaucho_18.01.2013

Guatambu duplica safra de uvas

colheita1_credito_Rodrigo Alves Vieira(p)

Colheita das uvas Chardonnay iniciou na última quinta-feira

Na última quinta-feira (10/01/13), a Guatambu deu a largada na colheita da safra 2013, com uvas Chardonnay, cultivadas em Dom Pedrito, na Campanha gaúcha. Esta semana é a vez das uvas Pinot Noir e Gewürztraminer. As três variedades serão destinadas à elaboração de espumantes superiores, utilizando o método francês champenoise.

Até final de março, a Guatambu espera colher 100 toneladas de uva, entre brancas e tintas de oito variedades viníferas, o dobro do que o ano anterior, devido ao fato deste ano estarem entrando em produção 11 ha a mais de vinhedos. Conforme o diretor geral da empresa, valter José Pötter, a ideia é aumentar gradativamente a produção da vinícola, acompanhando a produção dos vinhedos, até chegar a 170 mil garrafas anuais.

Conforme a engenheira agrônoma e enóloga Gabriela Pötter, uma das proprietárias e  responsável técnica da vinícola, a qualidade das uvas está excelente, tanto em termos de equilíbrio entre açúcar e acidez, quanto em termos de composição de aromas e sanidade. Gabriela explica que esta safra supreendeu os enólogos pela antecipação da maturação em cerca de 20 dias, devido às altas temperaturas registradas na primavera e verão. “A brotação em agosto já foi antecipada devido ao calor, mas não imaginávamos que as uvas estariam prontas para serem colhidas antes da segunda quinzena de janeiro” – complementa.

Além disso, será no final do outono deste ano que a Guatambu inaugura a vinícola enoturística, na beira da BR 293, entre Dom Pedrito e Santana do Livramento. O prédio temático, inserido no contexto do pampa gaúcho, terá restaurante e salão de eventos, e, segundo os proprietários, já existem vários aniversários e casamentos agendados para o ano.

SOBRE A GUATAMBU

É uma vinícola boutique que trabalha com administração familiar, em pequena escala, somente com lotes limitados e garrafas numeradas, em Dom Pedrito, na Campanha Gaúcha desde 2003. Conforme Valter José Pötter, proprietário da estância Guatambu, o que motivou a família a investir na vinícola foram as premiações internacionais que os primeiros vinhos produzidos com uvas da Guatambu receberam, ao longo dos últimos três anos, o que consolida a região dos pampas como uma das mais promissoras da América para produção de vinhos finos.

Com aptidão de solo e clima privilegiados, a estância produz uma grande diversidade de produtos. Destaca-se pela utilização de tecnologia de ponta, tanto na agricultura quanto na pecuária, sendo suas atividades centradas na integração de ambas. A pecuária de corte é desenvolvida com bovinos Polled Hereford e Braford, em ciclo completo, e ovinos Texel. Os produtos desta atividade são touros reprodutores superiores e carne de alta qualidade proveniente de animais precoces abatidos dos 14 aos 24 meses de idade, além dos cordeiros pampeanos.

Na agricultura, destaca-se a produção de arroz irrigado, milho irrigado com pivô central, soja, sorgo, sementes forrageiras e uvas viníferas.

Guatambu no Informe Econômico de ZH

Destaque na coluna de Maria Isabel Hammes desta quinta:

zerohora_17.01.2013

JC_17.01.2013

osul_16.01.2013

metro_16

Curso básico de Ukelele da Eclética Centro de Música tem nova data

Curso Intensivo de Verão segue com inscrições abertas

O curso básico de Ukelele, ministrado por Lucas Volpatto, da Eclética Centro de Música, tem nova data: as aulas iniciam no dia 28 de janeiro e seguem até 01 de fevereiro, na sede da escola (Rua Giordano Bruno, 360). A escola também oferece cursos com os professores Gevago Prescendo e Deisi Coccaro, com aulas de Violão e Laboratório de Inicialização Vocal.

O investimento é de R$ 200,00 por curso (com desconto de 10% à vista ou em duas vezes no cheque). Para todas as modalidades as turmas deverão ter no mínimo quatro inscritos. Inscrições e informações através do email ecleticamusica@gmail.com e pelo telefone (51) 9933-3110.

Curso de Férias – Eclética Centro de Música

Porto Alegre

Curso básico de violão – Com Gevago Prescendo

Das 9h30 às 11h

Turma 1: De 21 a 25 de janeiro

Turma 2: De 04 a 08 de fevereiro

Laboratório de Iniciação Vocal – Com Deisi Coccaro

De 21 a 25 de janeiro

1ª Turma: 15h às 17h30

2ª Turma: 19h30 às 21h

 

Curso básico de Ukelele  – Com Lucas Volpatto

Das 9h30 às 11h

De 28 janeiro a 01 de fevereiro

Sobre os professores

Lucas Volpatto

Bacharel em Música (Violão) pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS).   Estudou  violão com Thiago Colombo de Freitas, Eduardo Castañera e Paulo Inda.

Já participou de diversos seminários e masterclasses com importantes nomes do violão  internacional como Eduardo Isaac, Silvina Lopez, Mario Ulloa, José Antonio Escobar e Marco Pereira.

Em 2008 e 2009 estou harmonia e improvisação com Julio Chumbinho Herrlein.

Atualmente, ministra aulas de violão e guitarra em Porto Alegre e Nova Prata.

Deisi Coccaro

Deisi Coccaro é natural de Porto Alegre. Bacharel em música pela UFRGS em 2005, participou de vários cursos com renomados professores: Steve Smith (EUA), Cláudio Arais Dias (Alemanha), Laura de Souza (Brasil/Alemanha), Sandro Christopher (Brasil/EUA), Gabriela di Laccio (Brasil), Annette Küttenbaum (Alemanha), Liliana Polli (Itália), Carlos Rodriguez (Brasil), Johan Eller (EUA) e Marconi Araújo (Brasil). Mais recentemente com Luisa Giannini (Ita) e Juremir Vieira (Sui/RS).

Em 2006 foi selecionada como bolsista do Ministério de Relações Exteriores da Itália, para um Curso de Especialização em Canto Lírico e estudou com a soprano italiana Patrizia Morandini. Ainda na Itália participou da Materclass Internacional Florence Opera.

Participou como solista em oratórios, cantatas e missas: Gloria de A. Vivaldi; Missa brevis Sancti Joannis de Deo de J. Haydn; Missa da Coroação de W. A. Mozart, Magnificat de D. Buxtehude. E de diversos recitais no Brasil – Teatro São Pedro, Auditório Tasso Correa, Salão Mourisco, Sala Natho Henn, Sala Radamés Gnatalli, Studio Clio, Centro Cultural CEEE, Auditório Tasso Correa, Fundação Cultural de Carazinho, Casa de Cultura de Caxias do Sul, entre outros – e na Itália, em Florença e Scandicci.

Fez a estréia de obras de German Grass, Daniel Wolff, Bruno Angelo e do violonista e compositor Fernando Mattos, com quem faz um trabalho de música de câmara fazendo, principalmente, música brasileira contemporânea, em recitais realizados em diferentes cidades do RS. Participa, como intérprete, do grupo de música contemporânea Ensemblefantes.

Coordena o projeto Conversas com o Compositor, que realiza recitais comentados, em parceria com a Discoteca Natho Henn, CCMQ. Em 2011 os compositores convidados foram Fernando Mattos, Dimitri Cervo e Daniel Wolff.

Foi professora de canto nas escolas: Estação Musical, Piano e Cia e Piá Piano.

Gevago Prescendo

Gevago Prescendo é bacharel em violão pela UFRGS.

Em 2009 e 2010 foi professor substituto do ”Projeto Prelúdio“ da UFRGS.
Professor de violão e guitarra desde 1998, lecionou no Instituto Musical SONORA (Nova Prata) e na Casa de Artes Baka (Porto Alegre).

Como violonista popular já atuou em diversos grupos de música brasileira, como o  “Bailado Gaúcho”  e  o “Paralelo 30”, com os quais se apresentou em eventos e festivais internacionais de folclore no Brasil e exterior.

Como guitarrista, tocou em diversas bandas de rock, como a“Rock and Stoned Band”, banda de atuação na noite porto-alegrense, e a “The Heartbreakers”, cover de Led Zeppelin.
Gevago também atua como músico de estúdio e arranjador.

Sobre a Escola

A Eclética Centro de Música foi inaugurada em 2009 pelo músico Lucas Volpatto e conta com sedes em Porto Alegre e Nova Prata, com aulas de violão, guitarra, canto, violino e flauta.

http://www.facebook.com/EcleticaCentrodeMusica | http://ecleticamusica.wordpress.com

 

zerohora_15.01.2013

Blog no WordPress.com.

Acima ↑